logo spark2d

Disruption Blog

Category: Transformação Digital na Saúde (page 1 of 2)

O setor da saúde, em geral, tem sido relutante em adotar novas tecnologias digitais, novos modelos de negócio e novos mindsets decorrentes dos desenvolvimentos tecnológicos. No entanto, a transformação digital na saúde é já uma realidade.

As pessoas têm mudado significativamente o seu comportamento perante a saúde nos últimos anos e, com isso, têm provocado a mudança do setor inteiro, desde o Sistema Nacional de Saúde aos hospitais, desde as clínicas à Indústria Farmacêutica.

A indústria farmacêutica tem sofrido diversas tensões transformadoras nos últimos anos. Esta transformação tem como origem vários fatores, desde a pressão sobre os proveitos por parte dos sistemas nacionais de saúde ao forte crescimento dos genéricos. Mas há uma nova vaga de transformação, possivelmente a mais profunda das últimas décadas nesta indústria: a transformação digital.

Monitorizar e transmitir saúde

A revolução dos wearables, ou dispositivos vestíveis, tem um grande potencial para contribuir para a prevenção de problemas de saúde. Os wearables estão diretamente ligados ao conceito de Internet of Things – uma rede de objetos ligados entre si que utilizamos no dia a dia e pela qual partilhamos informação, de forma segura. Para entender os wearables, é necessário recordar como os dispositivos computacionais evoluíram desde o final de 1970, com a introdução de máquinas pessoais ou personal computers – os PCs. Se, a partir dos anos 80, conquistaram os lares, começaram depois a evoluir para dispositivos de diversos tamanhos e formatos alimentados por baterias que permitiram uma mobilidade inédita. Toda esta evolução viabilizou uma mudança radical na relação do…

Continuar a ler

Saúde Digital: Oferecer Experiências Memoráveis

No artigo anterior desta série , analisámos a Transformação Digital na Saúde, sob o ponto de vista tecnológico, defendendo que este setor, tradicionalmente muito fechado ao exterior, beneficiará significativamente de importar boas práticas de transformação digital de outros setores. Chamámos-lhe uma lógica de polinização cruzada. Desta feita veremos que os hábitos de consumo mudaram e que os utentes dos sistemas de saúde estão diferentes porque os hábitos de consumo mudaram. Assim, a transformação digital, tão necessária na saúde, tem de levar em atenção a experiência oferecida, pois este fator é determinante para a escolha de serviços de saúde. Este fator é constante em muitos setores, mas ainda distante na saúde. Novos Hábitos de Consumo A forma como devemos ver o setor…

Continuar a ler

Transformação Digital na Saúde: Vantagens da Polinização Cruzada

Vem este artigo a propósito da conferência Portugal eHealth Summit, onde a SPARK2D discutiu este tópico da Transformação Digital na Saúde e gerou bastante interesse. Devido à extensão, dedicaremos 2 artigos a esta temática, dos quais este é o primeiro. Está na ordem do dia a Transformação Digital em praticamente todos os setores. Quando toca à Saúde, já sabemos que a sua especificidade é comentada por muitos devido à importância do seu objetivo último: tratar a doença e promover o bem-estar. Não ignorando que essa especificidade existe, somos da opinião que todos os setores apresentam as suas especificidades. A Transformação Digital é um movimento que goza hoje de muita popularidade e, consequentemente, tem-se tornado uma buzzword muitas vezes abusada. Confunde-se…

Continuar a ler

Indústria Farmacêutica: Transformação Digital em Curso

A indústria farmacêutica tem sofrido diversas tensões transformadoras nos últimos anos. Esta transformação tem como origem vários fatores, desde a pressão sobre os proveitos por parte dos sistemas nacionais de saúde ao forte crescimento dos genéricos. Mas há uma nova vaga de transformação, possivelmente a mais profunda das últimas décadas nesta indústria: a transformação digital. Neste artigo abordamos a vertente relacionada com a componente de marketing e vendas, que é a mais frequente num país como Portugal, com pouca investigação ou produção farmacêutica. O que motiva esta revolução digital? Há diversas alterações que afetam as três principais relações que as farmacêuticas gerem: com os médicos, com o canal farmácias e com os doentes. Por um lado os doentes estão mais informados…

Continuar a ler

Older posts